Arborização urbana e saúde pública

Será que as árvores urbanas podem ajudar na saúde e na qualidade de vida de quem vive nas cidades? Claro que sim! Afinal, sem a natureza nós, humanos, não sobrevivemos. Um relatório da organização The Nature Conservancy defende que  as árvores urbanas são uma importante estratégia para a melhoria da saúde pública nas cidades e, por isso, merecem ser olhadas de perto não apenas pelos órgãos ligados ao meio-ambiente, mas por aqueles ligados à saúde também.

Para Robert McDonald, a chave é fazer-se a ligação entre as árvores urbanas e os seus efeitos positivos na saúde mental e física. “Um dos grandes objetivos deste relatório é fazer com que diversos serviços de saúde vejam que deviam estar a participar na discussão para tornar as cidades mais verdes”, declarou. “As árvores urbanas não podem ser consideradas um luxo, dado que constituem um elemento essencial para uma comunidade saudável e habitável e uma estratégia fundamental para a melhoria da saúde pública.”

A reportagem completa sobre o assunto vocês podem ler aqui.

Deixe uma resposta